Notícia

DPU

Concurso DPU – Defensor Federal pagará inicial de R$ 17.330,00!

DPU

A Defensoria Pública da União (Concurso DPU) abrirá, em breve, um novo concurso para o cargo de Defensor Público Federal de Segunda Categoria. De acordo com informações do setor de recursos humanos do órgão, ainda é aguardado um parecer da administração superior do órgão para que possa ser definida a oferta de vagas do novo concurso DPU – Defensor Federal.

 

Somente após este posicionamento poderá ser iniciado o processo da escolha da banca organizadora e, posteriormente, definição de quando o edital poderá ser publicado.

 

O concurso DPU foi anunciado em 5 de setembro, quando o defensor público geral federal, Carlos Eduardo Barbosa Paz, publicou a portaria 561/2016, que designa os membros da Comissão Organizadora do VI Concurso para ingresso na Carreira de Defensor Público Federal de 2° Categoria.

 

Requisito concurso DPU – Defensor Federal e salário

Para concorrer, será preciso formação em Direito, além de três anos de atividade forense comprovada. As provas objetiva e dissertativa versarão sobre várias disciplinas no âmbito do Direito, e serão realizadas em todas as capitais.

 

Já as demais etapas ocorrerão apenas em Brasília. A DPU garantirá o prazo mínimo de 30 dias entre a publicação do edital e a data de término das inscrições. A validade do certame será de dois anos, podendo dobrar.

 

Atualmente, um Defensor Público Federal de 2ª Categoria recebe um subsídio de R$ 17.330,00, além de R$ 799,00 a título de auxílio-alimentação e de R$ 215,00 de reembolso de plano de saúde.

 

Último concurso DPU – Defensor Federal

O último concurso de defensores foi realizado no fim do ano de 2014 e, organizado pelo Cespe/Unb, teve sua vigência encerrada no mês de agosto deste ano. Foram oferecidas 58 vagas iniciais, mais formação de cadastro, com remuneração inicial de R$ 16.489,37.

 

Conforme informações que foram divulgadas pela DPU durante a realização da seleção passada, o órgão pretende reforçar os quadros de pessoal das 65 unidades, inclusive as do Rio de Janeiro, onde atua na capital e em Niterói, São João de Meriti e Volta Redonda.

 

Matérias e etapas do edital DPU

A seleção compreenderá cinco fases: uma avaliação objetiva, quatro exames dissertativos, quatro provas orais, apresentação de títulos, além da sindicância de vida pregressa e apuração dos requisitos pessoais. 

 

A parte objetiva contou com 200 questões, distribuídas por quatro grupos, com 50 questões cada. No grupo I foram abordados temas sobre direitos administrativo, civil, empresarial, direito do consumidor, processual civil e tributário. No grupo II, penal, processual penal, penal militar, processual penal militar e direito eleitoral. No III, direito do trabalho, processual do trabalho, direito previdenciário e  da assistência social e princípios institucionais da Defensoria Pública; e no II, constitucional, direito internacional, direitos humanos, filosofia do direito, noções de sociologia jurídica e noções de ciência política.

 

Fonte: blog.grancursos